segunda-feira, 22 de abril de 2013

Nunca deixe seu amigão preso dentro do carro.



 
Um estudo realizado pelo Departamento de Geociências da Universidade Estadual de San Francisco, nos Estados Unidos demonstra que a temperatura dentro de um carro parado debaixo de sol com os vidros fechados aumenta 80% nos primeiros 30 minutos. A pesquisa concluiu ainda que um veículo em temperatura ambiente de 25°C, após uma hora tem sua temperatura interna aumentada para 47,8°C. 
Com uma temperatura externa em 29°C, após uma hora o calor dentro do carro chega a 51,7°C.
O estudo mostra ainda que um carro com o vidro traseiro semi aberto também tem um aumento mais lento da temperatura interna, mas após 55 minutos alcança a mesma temperatura que teria se os vidros estivessem fechados.
(trecho de uma matéria publicada pelo G1 sobre a morte de um bebê esquecido no carro dos pais).
Uma campanha recente na Dinamarca alerta para o risco de se esquecer um ser vivo dentro do carro, seja ele um animal ou um bebê.  Vejam no vídeo abaixo:

video

Por termos um olhar mais apurado, quantos de nós já não se deparou com algum cachorro nos olhando ou latindo dentro de carros estacionados em supermercados, shoppings ou mesmo nas ruas?
Na medida em que vemos aumentar o número de cães e gatos sendo adquiridos pelas pessoas, crescem também na mesma proporção a constatação desse tipo de comportamento que coloca em risco a integridade fisíca dos cães destes donos, digamos, irresponsáveis.

video
                                                          Como se sente um cão preso no carro no verão/PETA

A maioria destes donos ou tutores,  quando pegos em flagrante ao deixar seus animais presos no carro,  virão com a mesma desculpa: "fui comprar algo e já estava voltando rapidinho". Mas quantos não se esquecem dos seus cães muitas vezes por horas dentro do carro, afinal o que não falta são coisas interessantes dentro dos ditos templos de consumo.Vejam casos recentes que foram noticiados comprovando as ocorrências.
http://goo.gl/Ed5FM8
http://goo.gl/zRnMGb

Foto  The Silence of Dogs in Cars - Martin Usborne
Acreditamos que o importante antes de tudo é avaliarmos a situação para podermos tomar alguma atitude antes de nos desesperarmos ou mesmo dar algum alarme sobre o animal preso no carro. O bom senso é sempre bem vindo. Muitas vezes um bom papo pode resolver, mas em outras ocasiões atitudes radicais terão que ser tomadas para se salvar uma vida.
A orientação é de que ao nos depararmos com cães presos em carro, em primeiro lugar se faça uma tentativa de conseguir avisar o dono para que venha retirar o animal do carro através de auto falantes, caso  dos grandes estabelecimentos comerciais ou mesmo pedindo para alguém chamá-lo pessoalmente se isso for possível.  Pode se citar a lei de crimes ambientais 9605/98 art. 32 http://goo.gl/YILfAY
Em caso de risco eminente para o animal, a providencia é chamar a segurança do local ou a policia,  e pedir que o carro seja aberto rapidamente segundo a orientação de advogados. E muito importante, é sempre ter testemunhas de que o animal se encontra em risco e precisa ser retirado com urgência do carro para o caso de haver necessidade de se quebrar vidros ou chamar algum chaveiro para poder abrir o automóvel.

Foto  The Silence of Dogs in Cars - Martin Usborne
Nota: quando o seu cachorro demonstra felicidade ao vê-lo retornar, após você tê-lo deixado para ir ao trabalho, estudos ou por qualquer outro motivo, ele está demonstrando a dimensão que você tem  na vida e no coração dele. Quando o deixou ele ficou imaginando que talvez nunca mais lhe veria novamente....e quantos outros seres vivos são capazes de amar tanto quanto seu cão? pense nisso sempre e procure zelar pelo seu bem estar, já que amigo assim vai ser difícil de se encontrar por aí.  

Para ver a série de fotos incríveis do Projeto The Silence of Dogs in Cars clique no link abaixo:
http://www.martinusborne.com/dogs-in-cars 







 









.









2 comentários:

  1. Qro saber se a pessoa dexa ar condicionado do carro ligado , isso amenizaria pra o cachorro ficar no carro a esperar !?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza amenizaria. Mas para isso o carro terá que ficar ligado com a chave no contato e o motor funcionando. A segurança do carro e do animal estaria em risco também. Não recomendamos.

      Excluir