segunda-feira, 28 de março de 2016

Realidade cruel e criminosa do comércio de pintinhos coloridos.



Uma matéria da Rede Record que foi veiculada nestes dias chama a atenção para a venda dos pintinhos coloridos e escancara a forma como eles são tingidos. Chocante porém necessário falar sobre isto de uma vez por todas e rezar para que as crianças sejam orientadas em suas escolas a não pedir para seus pais que comprem estes pintinhos, ou que em festinhas de aniversário os buffets infantis parem de distribuí-los como se fossem balas.

Aliás buffets e organizadores de festas, tanto para crianças como para adultos, precisam urgentemente passar por uma imersão em direitos dos animais, e entender de uma vez por todas que vidas não são brindes, brinquedos, mimos ou gracinhas, pois é imensa a ignorância sobre o tema, e o que se vê em aniversários e casamentos beira a insanidade de tanta crueldade que costumam rolar nestes eventos.

O vídeo onde se joga a tinta tóxica sobre os bichinhos e a manipulação dos pequenos seres é de embrulhar o estômago de qualquer pessoa, mesmo aqueles que não são necessariamente defensores ou apaixonados por animais como nós e parece ter sido feito em algum outro país.

Essa moda ao invés de perder adeptos infelizmente vem crescendo e é nosso dever falar novamente sobre este crime cometido contra estes animais indefesos e que só pelo fato de terem nascido machos já lhes pesa um destino cruel e muito triste.
Para quem não sabe os pintinhos machos ao nascerem nas granjas são separados dos demais e moídos vivos tornando se assim insumo para ração de outros animais, pois representam prejuízo já que não interessam para a indústria produtora de ovos.
E infelizmente  mesmo em países ditos "desenvolvidos" e onde existe legislação pesada para quem comete crimes contra animais, o comércio de pintinhos coloridos tem aumentado, porque afinal poucos sabem como eles ficam tão bonitinhos.
Aqui no Brasil a prática é considerada crime ambiental, se enquadra em maus tratos e esbarra na Lei 9605/98 artigo 32, devendo ser denunciada as autoridades competentes.
Inclusive existe circula uma  informação de que se conseguiria tingir os pintinhos ainda em fase embrionária injetando determinados produtos químicos nos ovos mas mesmo que isso fosse possível com certeza não deixaria de ser cruel.

Ao buscarmos o vídeo para publicação sobre a forma como acontece o tingimento encontramos um que nos chamou atenção. Assistam e veja a declaração a garotinha que resolveu adotar 2 pintinhos dizendo que o dono da escola em que estuda comprou vários para ensinar aos alunos o nome das cores (!!!!).
Como dizem os mais radicais: meteoro venha logo!!!
Assistam a essa matéria de 2014 feito pelo Jornal Regional da cidade mineira de Caratinga onde inclusive existem trechos do vídeo denúncia sobre a forma como os pintinhos são cruelmente tingidos.


video

Nota:
Para quem não sabe após alguns dias após serem tingidos os pintinhos morrem pela toxidade dos corantes, pelo fato de que são frágeis e precisariam de um ambiente controlado, porque nas granjas recebem toneladas de antibióticos até se tornarem adultos e serem abatidos, e também  pela forma estúpida como são manipulados e depois vendidos. 
Então papais e mamães pensem que além de vocês estarem adquirindo um ser vivo que sofreu maus tratos para ficar bonitinho e se tornar atraente para sua criança ainda restará a tarefa de ver sua criança desconsolada chorando ao ver o bichinho morrendo logo me seguida a compra. 




Nenhum comentário:

Postar um comentário